quinta-feira, 26 de maio de 2016

Arquivo de Memórias, Associação Cultural, Vila Real

[pocinho-côa 2] Fica aqui uma apresentação do Arquivo de Memórias, retirada da página web da própria Associação.

“O Arquivo de Memórias tem por objetivo o registo, o estudo, a divulgação e a defesa do património cultural.

Para esse efeito, procurará fomentar a recolha e o arquivo de formas e expressões do património cultural, no sentido de o estudar, preservar e divulgar, bem como dinamizar a discussão da sua temática.
Art.2º dos Estatutos da associação ARQUIVO DE MEMÓRIAS
Só se pode olhar o futuro com o contributo e interpretação do passado. Essa interpretação pode ter vários filtros e ser valorizada de várias formas, segundo várias perspetivas. A nossa forma de ver a questão não deveria ter nada de saudosista, se bem que às vezes o possamos ser um pouco. Afirmamo-nos conservacionistas (não conservadores), preservacionistas sem aceitar a estagnação e progressistas no sentido de que nos servimos do passado para construir o futuro.

Se somos arquivo, também queremos ser nascente de algo que cresça. Se a recolha e preservação de uma música ou agrupamento tradicional pode não ser mais que saudosismo, a verdade é que daí pode surgir a vontade que se reaviva ou progrida. A defesa de património tem que significar o valor que tem que passar dele para o presente e futuro, sobretudo quando está ameaçado… A reunião de construtores de instrumentos musicais significa o enaltecimento de um património que já foi algo que não é agora, mas que tem necessariamente que persistir.”

https://arquivodememoriasvr.wordpress.com/#

Estação ferroviária do Côa. Vila Nova de Foz Côa. 1997

1 comentário:

  1. O seu trabalho é admirável, e provavelmente único no nosso tempo.

    ResponderEliminar